Memórias da TV Rubricas

Memórias da TV: As saudades do «Big Show SIC»

Em 2019 trazemos de volta uma das rubricas mais acarinhadas pelos leitores do Quinto Canal. O Memórias da TV está assim de regresso, pronto para mexer com as saudades dos fãs da televisão.

No início desta nova temporada apostamos num programa que já foi recordado anteriormente neste espaço, mas que continua a ser um dos mais visitados no site do Quinto Canal. Tendo sido um dos maiores programas de entretenimento dos anos 90, o Big Show SIC dava aos seus telespetadores música, animação e muitas peripécias. Recorda-se?

Transmitido entre 1995 e 2001, o Big Show da SIC foi um marco da televisão portuguesa, sendo transmitido semanalmente ao fim-de-semana. Após ter começado por surgir na programação aos domingos à tarde na SIC, no seu auge chegou mesmo a passar para o horário nobre de sábado, tendo depois já nos últimos meses passado para as emissões durante as tardes de sábado. Na época o formato era o único a contar com uma grande duração, variando entre as 3 a 4 horas de emissão, algo raro nos programas de entretenimento.

João Baião foi sempre o apresentador responsável pela condução do Big Show SIC, um projeto idealizado por Ediberto Lima (que chegou mesmo a realizá-lo também em Angola). O programa nunca contou com uma única interrupção durante os anos em que esteve no ar. Foi também através do Big Show SIC que o pimba ficou famoso e atingiu igualmente a sua maior fama, com diversos cantores bem conhecidos da atualidade, tais como Emanuel, Toy, Ágata, Romana, Tony Carreira e Marco Paulo, entre outros, a serem uma presença constante, sem esquecer também os grupos de sucesso da época como os Excesso ou os D’Arrasar.

A verdade é que, sendo um programa bastante criticado durante a sua transmissão devido ao conteúdo “vazio” que aprestava, as audiências diziam o contrário com o Big Show SIC a ser líder durante a grande maioria da sua existência. E se ao longo dos seis anos houve várias mudanças de cenário e de convidados, algo que nunca mudou nas mais de 300 emissões realizadas foi o espírito de João Baião, sempre alegre e a contagiar o público presente com a sua animação e as suas partidas, também elas uma constante no programa.

A título de curiosidade, Laura Pausini e Ricky Martin foram alguns dos convidados internacionais que passaram pelo formato. Ninguém esquecerá a mítica personagem do Macaco Adriano e da sua música, o grupo de bailarinas, e até mesmo o DJ Pantaleão, que receberam também a companhia já na reta final do famoso rato Topo Gigio, e até mesmo a célebre frase do apresentador antes dos intervalos: “vá fazer um xixi, que a gente já volta!”. E se essa frase nunca mais foi esquecida pelo público, sem dúvida que outros dos momentos que permanece na memória é a eterna música de abertura do Big Show SIC, a TV em Movimento, onde já se sabia que era hora de sentar no sofá para três horas de pura animação.

Artigos Relacionados