Boa noite, bem-vindo a mais uma edição da rubrica que recorda os rostos esquecidos da televisão nacional, ‘Esqueceram-se de Mim’. Esta noite recordamos uma actriz talentosa mas que nunca teve um papel que lhe permitisse brilhar.

Sílvia Balancho é uma actriz multifacetada, dona de um currículo invejável, mas acima de tudo capaz de desempenhar qualquer papel que lhe seja entregue. Não é daquelas actrizes que por muito que se esforcem têm sempre o mesmo registo, ela muda completamente de atitude dependendo do personagem e fá-lo com alma, trabalho e dedicação, cativando e convencendo quem está a ver.
Para alguns, se calhar, o seu nome é-lhes completamente desconhecido, mesmo tendo entrado em novelas de grande sucesso e repercussão como é o caso de ‘Anjo Selvagem’ ou ‘Vingança’.

Tal como acontece a muitos bons profissionais valeu à actriz a capacidade de antever o esquecimento e fundou em 2007 a empresa ‘Bem Ditas – Criadores Culturais’, da qual é directora artística. A par disso, abraçou o Teatro e o Cinema com paixão, áreas onde tem brilhado constantemente, mas sem o impacto que a televisão proporciona. Talento e dedicação são certamente qualidades que não lhe faltam, mesmo que muitos teimem em não lho reconhecer. O seu afastamento da televisão, em trabalhos fixos, não em anúncios como os que também já chegou a fazer, é incompreensível tal como a falta de convites para projectos de longa duração. A aposta em ficção é agora um projecto de todos os canais generalistas pelo que seria de esperar vê-la numa próxima produção, mas não. É preferível repetir até à exaustão os mesmos actores, fazendo parecer que a trama nunca acaba. Sílvia Balancho preenche com distinção os requisitos necessários de um bom actor, porque não apostar nela? Sem dúvida que ninguém iria sair a perder.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados