SIC Televisão

Victoria Guerra: «É pena que as pessoas tenham de ir para o estrangeiro para serem reconhecidas»

Victória Guerra

É uma das entrevistada da última edição da Nova Gente e, entre vários assuntos, critica a atitude dos portugueses em reconhecer o trabalho dos profissionais apenas quando estes têm sucesso no estrangeiro. Daniela Ruah, Diogo Morgado ou Joaquim de Almeida podem ser alguns destes exemplos, apesar de Victoria Guerra não referir nomes. «É bom ver que os portugueses lá fora também têm sucesso. É maravilhoso que se dê atenção a isso. Pena é que as pessoas tenham de ir para o estrangeiro para serem reconhecidas. Não estou a dizer que o Diogo [Morgado] seja o caso, mas de repente só porque está lá fora é o maior? Acho que em Portugal as pessoas também devem dar valor ao que é feito cá e não só àquilo que fazemos quando vamos para fora. Valorizar mais as novelas, o cinema, o teatro…», explicou à publicação da Impala.

Aos 24 anos, a atriz prepara-se para viver um novo desafio na sua carreira. Confirmada no elenco de Ambição, Victoria Guerra afirma que gostava de seguir os passos de colegas seus de profissão e conseguir trabalhar lá fora. «Gostava muito, ainda para mais falando inglês. Mas, neste momento, estou com trabalho aqui e por isso vou dando o meu melhor em Portugal. Quem sabe no futuro poderá ser possível», adiantou.

Em Ambição, a antiga estrela de Morangos com Açúcar vai contracenar com Rita Blanco, a sua mãe.

Outras Notícias