RTP Televisão

«The Voice Portugal»: Maria Raquel Santos queria Marisa Liz como sua mentora

Anselmo Ralph ficou como seu mentor mas Maria Raquel Santos sempre idealizou que esse papel pertenceria a Marisa Liz. Por esse motivo sentiu um sentimento agridoce quando alguém virou a cadeira no decorrer da sua interpretação no The Voice Portugal. «Eu queria a Marisa. Identifico-me mais com ela pelo estilo musical e pelo estilo mais alternativo dela. Gosto de pessoas originais e genuínas», disse à Maria.

A jovem de 20 anos adiantou que o seu mentor não lhe acrescentou muito saber em algumas áreas, mas que a ajudou noutras nas quais não se sentia minimamente à vontade. «Sinto que o Anselmo não me ensinou nada a nível de instrumentos, porque eu toco. Mas eu sou um pouco tímida em palco e ele ajudou-me muito nisso. É mesmo muito simpático», confessou.

O seu sonho pela música começou desde tenra idade. O conservatório foi o primeiro embate neste sonho  mas a exigência elevada para uma criança de onze anos levou-a a desistir. «Dos 11 aos 13 anos, estudei no conservatório, mas acabei por desistir porque não gostava muito daquilo. É muito pressão para uma criança- Eram muitas avaliações: orais, a tocar com pessoas a ver… Se calhar se tivesse feito o conservatório mais tarde, teria dado o devido valor àquela educação e não teria saído. Desisti, mas continuei a ter aulas com professores particulares até aos 16», adiantou.

Agora, e no The Voice, a jovem natural da Figueira da Foz espera ter a sua sorte no mundo da música. Será que vai conseguir chegar longe?

Artigos Relacionados