Tem hoje inicio mais uma rubrica neste que é o seu 5º Canal. Em Foco estarão programas ou personalidades que marcaram, de alguma foram e por algum motivo, a semana televisiva que passou. Tentaremos trazer-lhe o melhor e o pior da televisão, mantendo-o sempre informado.

Desta forma, a protagonista desta primeira edição é a apresentadora Catarina Furtado, dona de um potencial indiscutível, a profissional tem deixado provas do seu talento ao longo dos anos. Na semana que passou esteve em destaque por dois grandes motivos: o primeiro dá conta do seu afastamento da apresentação da gala Primavera da Vida: Solidários até à Medula, o segundo foi a estreia do seu novo programa na RTP, Com Amor Se Paga.

Seja assim muito bem vindo à primeira edição do Em Foco com… Catarina Furtado!

[divide]

É uma das mais conhecidas e aclamadas apresentadores da televisão portuguesa, atualmente e desde há uns anos que desempenha funções na RTP. Apesar disso, tem vindo a dar cartas noutras áreas de atuação, como é o caso da solidariedade e de causas humanitárias que tanto sensibilizam todo o país.

Iniciou o seu percurso profissional como apresentadora de televisão no ano de 1991, quando foi destacada para apresentar o Top +, ainda existente na grelha do canal. Passou, pouco tempo depois, para a SIC onde apresentou o teu falado Chuva de Estrelas, corria o ano de 1993 e foi com este mesmo formato que a apresentadora levou a estação de Carnaxide a  ser líder de audiências. Foi ainda neste canal que se estreou na condução dos Globos de Ouro, no entanto, o testemunho foi passado para Bárbara Guimarães. Foram muitos os formatos que, ao longo dos anos, contavam com o nome da apresentadora. Programas de moda e música, diversos tipos de reportagem e entrevistas fazem também parte do seu currículo. Teve oportunidade para entrevistar diversas personalidades conhecidas a nível mundial  como é o caso de Patrick Swayze, Sandra Bullock, Arnold Schwarzenegger, Kevin Spacey, Harrison Ford, entre muitos outros.

Para além da apresentação, partilha de muitas outras paixões, como é o caso da representação. Entrou em diversas séries e filmes de cinema, alargando os seus horizontes profissionais e mostrando ser extremamente versátil e capaz de surpreender nos mais diversos registos. No ano de 2011 foi nomeada embaixadora da Boa Vontade das Nações Unidas para as crianças. Em consequência disso, no ano de 2005, estreou na RTP o programa Por Um Mundo Melhor e , mais tarde, Príncipes do Nada. Muito recentemente esteve à frente do talent-show A Voz de Portugal, este veio provar a existência de muito talento em Portugal. Aqui mostrou o seu bom humor, o rigor e a paixão com que se dedica a cada projeto que lhe é entregue.

Apesar de todo este percurso profissional invejável, o certo é que esta foi uma semana cheia para a apresentadora. Na passada quinta-feira tinha na sua agenda a apresentação da gala Primavera da Vida: Solidários até à Medula, no entanto, Rui Veloso, diretor artístico do concerto, não tinha conhecimento da sua intervenção como responsável pela condução do especial, o que levou ao seu afastamento. Por outro lado, viu estrear o seu mais recente programa. Com Amor Se Paga  é o formato que dá a possibilidade a várias pessoas para agradecerem a alguém que lhes é próximo o papel que desempenham na sua vida. Mas não são só os anónimos que têm essa possibilidade, também personalidades conhecidas do nosso país podem ser surpreendidas. Catarina Furtado mostra, uma vez mais, o seu grande coração e a sua humildade enquanto profissional num programa que promete ser cada vez mais emotivo.

Este é um formato que marca uma nova fase da estrela na RTP, numa altura em que as audiências do canal caíram substancialmente depois da GFK ter assumido a medição dos números audiométricos em Portugal. A apresentadora aqui  destacada e todos os outros profissionais consagrados desta estação têm agora um grande objetivo em comum: o de segurar telespetadores para conseguir um aumento dos números que marcam o número de telespetadores de cada programa.

A estação do Estado parece, apesar de todas as dificuldades, continuar a confiar no seu trabalho, dando-lhe novos formatos para que continue a deliciar os portugueses.

[divide]

Até para a semana!

Artigos Relacionados