Qultura

Qultura: «Fazunchar» anuncia datas para a segunda edição

Depois de uma primeira edição de sucesso que gerou 47 novas obras de arte e centenas de visitantes, o Fazunchar volta a Figueiró dos Vinhos de 15 a 23 de agosto de 2020 para a sua segunda edição.

Uma festa construída por vários tipos de Arte, em diálogo constante entre elas, com esta comunidade e território. Fazunchar significa “fazer” em Laínte, dialecto local da região, utilizado pelos vendedores ambulantes de tecidos, essencialmente para que não fossem entendidos pelos demais nas suas trocas comerciais. O Fazunchar será sempre um ‘fazer’ por Figueiró dos Vinhos e pelas suas gentes, um evento que surge como resposta a um pedido simples: “necessitamos dinamizar este município e ser falados por algo além dos incêndios, das tragédias ou das desconfianças”, mas que é também a reinterpretação desta palavra, para que a arte chegue aos públicos nas suas mais variadas formas e, ao contrário do que acontecia com os comerciantes locais, seja entendida, apreciada e vivida por todos.

Nas palavras do Presidente da Câmara Municipal de Figueiró dos Vinhos, Jorge Abreu: “É com enorme entusiasmo e expectativa que acolhemos a 2ª Edição do Fazunchar “onde a arte faz a festa”, após o sucesso da primeira edição. Se, no passado, Malhoa e H. Pinto usavam as telas para retratar aspetos de Figueiró dos Vinhos, eternizando-os, hoje usamos pinturas murais e intervenções artísticas no espaço público, melhorando sua vivência, reforçando os laços afetivos dos figueiroenses com as suas tradições e o seu passado, e construindo um futuro alicerçado nos novos visitantes/turistas que chegam a este território para fazunchar e que contribuem para a sustentabilidade destas nossas terras, no que já é mais um ponto de interesse turístico e cultural de Figueiró dos Vinhos“.


  • Leia também:

Conheça os convidados especiais de «Se a Vida Começasse Agora» do Rock in Rio

 

Artigos Relacionados