SIC Televisão

Fracas audiências de «Ídolos» não afetaram Diogo Piçarra

Foram muito falados os resultados audiométricos do talent-show da SIC, mas pelos piores motivos. Ao contrário do que vinha a acontecer nas edições anteriores, o programa agora apresentado por Cláudia Vieira e João Manzarra, alcançou ao longo de todas as fases de classificação audiências baixas justificadas pela forte concorrência.

Apesar de toda essa polémica, os concorrentes finalistas do formato que protagonizaram as diversas galas, não se mostraram afetados pelos baixos resultados conseguidos e agora, à TV Guia desta semana Diogo Piçarra, o vencedor, desvaloriza a situação:

Não tenho essa noção, e não vai ser por isso que me vou deixar ir abaixo. O que sei é que tenho muitos seguidores e vou tentar formar uma carreira assim. Acho que as pessoas que espreitaram o programa, aconteça o que acontecer, querem-me ouvir.

Ele foi escolhido pelo grande público como sendo o melhor concorrente do programa e agora tem-se debruçado em entrevistas às mais diversas publicações. Agora, à referida publicação, para além das audiências, falou também sobre o seu futuro e garante que Filipe Pinto, antigo vencedor do formato, é um exemplo a seguir.

O problema aqui são os portugueses que não ouvem música nacional. Mas acho que o Filipe Pinto pode vir a ser um bom exemplo. Ele lançou umas músicas e as pessoas estão a gostar.

Irá o algarvio seguir os passos do cantor?

 

Outras Notícias