Geral Televisão

Longe da representação Pedro Rodil abre bar na praia e afirma: «Portugal é um país que não valoriza os artistas»

Apesar de considerado um dos mais talentosos atores saídos de Morangos com Açúcar, o ator Pedro Rodil acabou por cair no esquecimento e a sua vida deu uma reviravolta. Agora, está empenhado num novo projeto.

Apesar das notícias que davam conta da sua condição financeira terem enchido páginas de jornais e revistas no últimos meses, Pedro Rodil nunca recebeu nenhum convite para voltar a representar, tendo o seu foco de vida mudado.

Depois de passar um mau bocado a nível pessoal, dedicando-se à pesca, a dar aulas de surf ou a arrumar carros na Praia Grande, o ator tornou-se empresário e agora gere o bar Pipeline, na praia que acompanhou os seus piores momentos.

Em declarações à VIP Pedro Rodril mostrou-se contente com a decisão tomada. «Estou muito satisfeito com estas primeiras semanas. Temos tido muita clientela, o feedback das pessoas é muito positivo e cada vez mais estou convicto de que esta foi a melhor decisão que tomei», confidênciou, acrescentando que «tive de fazer um investimento avultado. Basicamente, gastei todo o dinheiro que juntei nos últimos meses. Fiquei com a conta a zero».

Sem esquecer o período menos bom pelo qual passou, Pedro Rodil não poupou críticas às estações de televisão e ao próprio país, que afirma não dar mérito aos seus artistas. «Portugal é um país que não valoriza os artistas em vida! Até à sua partida terrena são vistos como vadios da sociedade. Para regressar à representação teria de ter condições e garantirem-me que, desta vez, iriam tratar-me bem. Caso contrário, nada feito», finaliza.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não vai ser publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.