Cabo Televisão

«Gamer Sapiens» Exclusivo: Apresentação oficial

gamer sapiens

Decorreu hoje a apresentação oficial da nova série do canal HISTORIA, intitulada Gamer Sapiens. O evento digital contou com a presença de vários órgãos de comunicação ibéricos e ficámos a conhecer um pouco melhor este arrojado projeto.

Apresentado por Sergio Ramos, Vice-Presidente de Programação do canal HISTORIA, o evento contou também com a presença de Daniel Ventura, produtor da série; David Martinez, especialista em videojogos, e José Manuel Llorca, Coronel do Exército Espanhol. Tal como o leque de convidados demonstra, Gamer Sapiens é uma série que envolve uma série de temáticas que se acabam por interligar e que devido à sua complexidade, demorou algum tempo a ser concluído. O resultado é algo nunca antes visto em televisão!

Sergio começou o evento a apresentar algumas estatísticas referentes à população gamer (em Portugal são cerca de 3 milhões de jogadores) e de como cada vez mais abrange uma faixa etária superior aos 25 anos. Por conseguinte, os videojogos deixaram de ser visto como meramente lúdicos e os gamers começaram a exigir mais dos produtos que adquirem. Um jogador já não se foca meramente no lado divertido do jogo mas questiona a fidelidade do armamento ou da informação histórica que o jogo transmite. A própria indústria gaming tem que recorrer regularmente a uma vasta pesquisa histórica para corresponder com fidelidade às exigência do seu público cada vez mais vasto. E a título de curiosidade, Sergio revelou que a sua importância é tal que nem a indústria cinematográfica a alcança, produzindo apenas um terço de riqueza que a gaming produz.

Na lista completa de episódios em baixo, poderá consultar também a lista completa de videojogos utilizados na série Gamer Sapiens.



Ao analisar momentos relevantes da história da Humanidade (Idade Média, Segunda Guerra Mundial, entre outros) através dos videojogos, os produtores de Gamer Sapiens sentiram a necessidade comparar a veracidade histórica dos produtos analisados. Isto levou a que fossem consultados cerca de 34 especialistas em várias disciplinas, tais como criadores de videojogos históricos, historiadores, pilotos de aviões clássicos, mestres de armas e veteranos de guerra, de modo a que se conseguisse fazer uma comparação mais viável possível ao que foi real e o que é criação do videojogo.

Para quem é fã de videojogos e teve oportunidade de consultar a lista dos títulos que serão abordados, o grande destaque vai para a ausência de Assassin’s Creed. Esta é uma das sagas mais importantes na história dos videojogos e tem abordado igualmente vários momentos relevantes da história da Humanidade. Inclusive, o último título que saiu este mês, Valhalla, aborda a mitologia Viking. João Pardal, do Espalha Factos, teve oportunidade de questionar o porquê desta ausência e a resposta deixa os fãs ligeiramente tristes. De facto os produtores contactaram a Ubisoft, tal como as outras empresas de videojogos, a fim de obter os direitos de transmissão do seu material. Mas o acordo era de tal forma complexo, devido ao facto de não só terem que adquirir os direitos do jogo mas também os direitos cinematográficos, que acabaram por desistir da ideia. Apesar da grande ausência, a lista de títulos que Gamer Sapiens irá abordar compensa em muito e tem imensa qualidade.

A estreia em Portugal de Gamer Sapiens está prevista para o dia 4 de dezembro às 22h15, que será exibida ao longo de três semanas, num total de seis episódios. O canal HISTORIA é distribuído em Portugal no MEO (posição 125), NOS (posição 112), NOWO (posição 24) e Vodafone (posição 135).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não vai ser publicado.

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.