Lembra-se?

Existem passatempos que nos ficam na cabeça. Se a Árvore das Patacas com o Pato Donaltim será sempre a Árvore das Patacas, o Dominó também não lhe ficará muito atrás.

Na altura em que a estação de Carnaxide vencia as tardes das generalistas com uma dupla bastante apreciada pelos telespetadores e, acima de tudo, com um programa que apresentava conversas e convidados interessantes, o Dominó já dava nas vistas.

Milhares de euros foram oferecidos aos telespetadores quando eles conseguiam acertar nas três peças que tinham os números escolhidos inicialmente. A primeira vez em que um prémio acumulado foi ganho por um telespetador o convidado do programa era Ricardo e o difícil acabou mesmo por acontecer!

De facto, é interessante concluir como um pequeno passatempo consegue assumir uma importância tão grande num programa. Foram criadas músicas para que o telespetador ligasse para um número de valor acrescentado, tornando aquele como o derradeiro momento do talk show. Quem é que nunca ficou nervoso com a possibilidade ou não de um determinado português ganhar um prémio neste concurso? O suspense mata e o Dominó conseguia trabalhar com ele da melhor forma.

Uma boa estratégia da SIC que, nos últimos tempos, tem vindo a desaparecer. Onde estão os passatempos que emocionavam os que estavam em casa a seguir a emissão de um dado programa?

 

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados