Boa noite, seja bem vindo à nona edição da rubrica que lhe dá a conhecer tudo o que de bom e mau aconteceu no mundo das audiências na semana que hoje termina. Estes dias têm ficado marcados pelos números estrondosos conseguidos pelos jogos do Euro 2012, fazendo assim com que algumas estações renascam e subam consideravelmente na tabela de contagens. Os destacados desta semana são A Tua Cara Não Me É Estranha 2 que chegou ao fim no passado domingo dando a vitória a Luciana Abreu, as galas de Ídolos que se têm vindo a afundar de semana para semana e, por fim, damos ainda destaque a Portugal em Directo. Este é um programa da RTP que dá prioridade às notícias de teor regional. Dina Aguiar dá a conhecer diariamente a atualidade noticiosa pelos quatro cantos do país. Há ainda tempo para eleger o canal da semana, distinção atribuída à SIC. Conheça isto e muito mais a partir de agora.

Acompanhe-me assim em mais uma Audiência Média!

[divide style=”2″]

A vedeta

Chegou ao fim no passado domingo a segunda edição de A Tua Cara Não Me É Estranha de onde saiu vencedora, para surpresas de todos, Luciana Abreu depois de interpretar Beyoncé com o tema If I Were a Boy. As audiências alcançadas nesta última gala resumem o fenómeno em que se tornou. Domingo atrás de domingo tem brindado o público com muito boa disposição de todos os envolvidos, bem como, os momentos musicais que proporciona. Prometias estão, desde há muito tempo, galas complementares para que a concorrência com Ídolos possa ser mantida visto que se tem afundado nas audiências como vai ser referido mais à frente.

Desta forma, o programa apresentado por Manuel Luís Goucha e Cristina Ferreira, na sua final, alcançou uma audiência média de 22,5% e um share que ultrapassou os 51,3%. De realçar esta o minuto 22h21 onde o formato conseguiu uma audiência de quase 3 milhões de pessoas, com 28,1% de rating e 54,8% de share.Valores que justificam todo o poder mediático que o programa tem adquirido desde que estreou, em meados de janeiro deste ano. Tantas transmissões seguidas não o levarão ao desgaste? Esperar para ver…

Quem viu?

Ao contrário do programa anterior, o talent-show transmitido pela SIC tem surpreendido, mas pela negativa com resultados que não superam em nada as expectativas. De semana a semana tem-se verificado uma oscilação preocupante nas audiências de Ídolos, no entanto, os profissionais da estação garantem não estar preocupados e confiarem, ainda assim, no formato e nos profissionais que o conduzem. Eles próprios, Cláudia Vieira e João Manzarra mostram-se atentos, mas um tanto despreocupados. Afinal de contas, no domingo passado a terceira gala ficou-se na sétima posição da tabela geral com 7,1% de rating e 16,9% de share muito abaixo do concorrente direto cujos resultados foram analisados anteriormente. É caso para perguntar: Quem viu?

Nem o grande talento de todos os concorrentes parece fazer a diferença, bem como o facto de na mesa de jurados estar sentado um dos mais famosos e influentes cantores portugueses – Tony Carreira. Será este o inicio do fim de um formato que já tanto deu aos portugueses?

Programa de TOPO 

Dina Aguiar é a protagonista de um programa que tanto diz a milhares de pessoas. Portugal em Directo é um bloco noticioso que privilegia a palavra do povo e as suas verdadeiras necessidades podendo assim encontrar reportagens de maior teor regional. Por todos estes motivos, o formato já conseguiu a confiança dos telespetadores que, todos os dias, se prendem ao televisor para ver também a meteorologia que tanto importa para os meios rurais. Faz todo o sentido ser este o Programa de TOPO também devido à forte subida de que foi alvo nas audiências no dia de ontem depois de alcançar 3,4% de audiência média e 14,7% de share em média, estes valores correspondem ao dobro daquilo que normalmente regista. Verdadeiro serviço público que, na minha opinião, merece mais apoio por parte da estação.

Canal da semana

A SIC é o canal da semana devido a muitos fatores que desde há muito tem vindo a ser noticiados: grandes resultados conseguidos com as novelas brasileiras e portuguesas, bem como, os resultados dos jogos do Euro 2012 que tanto tem favorecido as diferentes estações que os transmitem. Morde e Assopra tem-se mostrado vencedora imbatível nas audiências do fim da tarde. As produções portuguesas: Rosa Fogo e mais recentemente Dancin’ Days têm-se mostrado novelas fortíssimas que, em certos dias, chegam mesmo a ameaçar a forte concorrência do horário nobre. Um canal com o seu horário da noite em visível ascensão e com uma informação cada vez mais credível e verdadeira. Só falta uma melhor e mais sólida aposta nas manhãs. Será, afinal, Querida Júlia a solução para as manhãs da SIC?

[divide style=”2″]

Até para a semana!

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados