Televisão TVI

Piet-Hein: «A Teresa Guilherme é melhor para programas mais “formais”»

Gala do programa da TVI Casa dos Segredos 2, na Venda do Pinheiro

A segunda gala da quarta temporada da Casa dos Segredos acontece hoje e a TV Guia deste domingo entrevista um dos homens responsáveis pelo sucesso dos reality shows em Portugal, Piet-Hein Bakker. De acordo com o produtor, Teresa Guilherme é uma excelente profissional apesar de, neste tipo de formatos, acabar por ser “plástica” nos textos que prepara para os mesmos. Em comparação com Júlia Pinheiro, o ex de Alexandra Lencastre dá preferência à apresentadora da SIC: «São duas profissionais competentes. A Júlia é, talvez, mais solta, mais espontânea, o que é um ótimo estilo para alguns formatos, como a Quinta das Celebridades. Já a Teresa é melhor para programa mais “formais”, que impliquem “regras”.»

Piet-Hein vai mais longe e confessa o seguinte sobre o rosto da TVI: «Ela é muito profissional e trabalhadora. Mas, pessoalmente, não gosto dos textos tão produzidos. Acho que lhe ficava melhor se fosse mais espontânea, natural, e não tão… plástica. Nos diálogos com os concorrentes é fantástica. Mas também duvido que o caminho certo sejam os temas em redor do sexo. Não que isso me incomode, mas é previsível.»

Sobre Alexandra Lencastre, o holandês apenas admite que este convite deveria ter sido melhor pensado, até porque poderá prejudicar a carreira da atriz. «Não me devo prenunciar sobre isso. A Alexandra é uma atriz talentosa, e espero que isto não a prejudique… Confesso que não a imaginava a fazer aquele papel, e tenho algumas dúvidas», disse.

Outras Notícias