Televisão TVI

Final das gravações de «Mulheres» levam Fernanda Serrano ao desespero

As gravações de Mulheres aproximam-se do final, estando o último dia agendado para 11 de novembro, depois de amanhã. Com a pressão a dar sinais nas vidas dos atores, assim como o cansaço, Fernanda Serrano acabou por dar nas vistas devido a atrasos dos seus colegas.

De acordo com a TV Guia desta semana, a mulher de Pedro Miguel Ramos não terá gostado das horas a que os seus colegas chegaram aos estúdios. «O ataque de fúria deveu-se às permanentes esperas no estúdio, que ia ser encerrado. E como estava lá a Leopoldina, aquilo acabou por se refletir. Ela até era para gravar com a mascote, mas já não o fez», disse uma fonte da produção à revista da Cofina.

Apesar de o gabinete de comunicação da TVI não comentar este episódio, um colega de Fernanda Serrano apoiou-a: «As atrizes estão a gravar muito pois há que fechar os últimos episódios. Tem sido exaustivo e já ninguém se aguenta de pé… e a verdade é que ela teve razão.»

Contrariamente à atriz, Maria Rueff confessou que não existe mal ambiente nas gravações, mesmo sabendo que estão muitas mulheres a trabalhar juntas. «Demo-nos todas bem. As pessoas gostam de dizer que, lá porque são mulheres, acontece isto e aquilo, há sempre um diz que disse. Mas entre nós o ambiente foi muito bom, até íamos jantar fora quando acabávamos de gravar», concluiu.

Outras Notícias