SIC Televisão

Filho de Manuel Moura dos Santos tece críticas a «Factor X»

Miguel Moura dos Santos

Miguel Moura dos Santos, filho do temível jurado de todas as edições de Ídolos, tentou a sua sorte no novo formato musical da SIC, Factor X, e não gostando da avaliação do júri, teceu algumas críticas aos jurados e à forma como o programa está a ser conduzido pela produção.

Foi à Tv 7 Dias que o jovem revelou, primeiramente, que «eles quase que me obrigaram a dizer que aquilo era um teste para mim. Percebe-se ao longo do meu casting que os termos de avaliação, comparados com outros, não foram os mesmos», avança, admitindo que «o júri garantiu-me que não sabia quem eu era, mas tenho a certeza que eles sabiam, pelo olhar que me lançaram. Um deles, pelo menos».

Sobre os jurados prosseguiu dizendo que «a Sónia Tavares disse que eu cantava bem, que estava nervoso e deu ‘sim’, que acho que foi merecido. O Paulo Ventura, esse senhor nem sequer merece que eu comente o que ele diz ou não. Acho que nunca vi ninguém tão absurdo. Disse que despejei palavras e que o incomodava muito uma pessoa com o meu dom ir para ali despejar palavras».

Considerando que o formato está «a ser levado para um ponto extremamente ridículo», Miguel Moura dos Santos admite que «pelo visto, o Factor X em Portugal é abanar o rabo, ter uma história muito triste e como eu não tinha uma história triste, não tinha por onde pegar. Este programa está a ser mais do que ridículo».

O vídeo com a prestação do jovem foi entretanto retirado das redes sociais devido à reivindicação de direitos de autor.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados