Rubricas SIC

“Factor X” em Análise – 3ª Gala (15/12/2013)

Factor X em análise

Está no ar a terceira gala de Factor X! Bárbara Guimarães e João Manzarra lançaram o concurso para garantir mais uma noite de grande festa aos telespetadores. Lançadas as luzes, que comece a música! Os talentos começam a chegar, um a um, ao palco do programa para surpreender o público que tem o poder nas suas mãos. Está à distância de uma chamada a permanência de um qualquer concorrente no formato. Um dos mentores ficará hoje com a sua equipa mais curta. Lá mais para o final da noite, depois de conhecidas todas as atuações, chega a vez de receber o convidado especial. Abram-se as portas para fazer entrar Pablo Alborán.

Que comece o concurso!

[divider]

Adultos (Sónia Tavares)

BERG

BergAtuação:

Seal – It’s a Man’s World

Berg é aquilo a que já nos habituou. Um dos melhores cantores do programa que interpretou hoje uma canção com um grau de dificuldade elevado de forma irrepreensível. Garnde interprete! Encheu o palco do Factor X de magia e de talento. Muito talento. Uma das melhores prestações da noite. “Tu foste Berg”, disse Bárbara Guimarães.


Comentário dos jurados:

 Paulo Junqueiro – “Obrigado por teres escolhido uma música da minha geração, e hoje foste irrepreensível. Parabéns;

Paulo Ventura – “Bem-vindo de volta à competição”

 

JAIR

JairAtuação:

Jack Jones – Love Boat

Num clássico de Jazz Pop, Love Boat foi a escolha de Jair e da sua mentora para apresentar nesta terceira gala de Factor X. Uma interpretação poderosa, onde o concorrente transportou o público para um clima de romance, no entanto não conseguiu conquistar na totalidade os elementos do júri, tendo estes apontado alguns aspetos menos positivos.

Comentário jurados:

 Paulo Junqueiro – “Eu nunca me iria lembrar de uma música como esta, e a parte vocal hoje não a senti da mesma forma”

Paulo Ventura – “Começo a sentir que te sentes muito desconfortável a cantar em inglês”

 

JOSÉ FREITAS

José FreitasAtuação:

Freddie Mercury e Montserrat Caballe – Barcelona

Esta semana no palco do Factor X a José Freitas coube interpretar Barcelona, uma música do cantor Freddie Mercury juntamente com Montserrat Caballe, tendo sido apoiado por duas cantoras nesta difícil canção de 1987. Com esta atuação o concorrente pode mostrar a sua poderosa voz numa interpretação muito bem conseguida que levou à aprovação de todos os jurados, faltando apenas um pouco mais de interação com o público presente.

Comentário dos jurados:

 Paulo Junqueiro – “Começaste um pouco com medo, mas de facto estiveste fantástico”

Paulo Ventura – “Gostava de te ver mais próximo do público, mas a tua máquina vocal é fantástica”

SARA RIBEIRO

Sara RibeiroAtuação:

Adele – Skyfall

Um pouco diferente do registo mais roqueiro de Sara, a concorrente teve esta semana a difícil tarefa de interpretar Skyfall, um original de Adele, cantora conhecida pela sua poderosa voz. Uma escolha que fez a concorrente mostrar outros dotes na sua voz, dando um pouco mais do seu estilo à canção original. A avaliação do júri foi unanime, o talento está lá.

Comentário dos jurados:

 Paulo Junqueiro – “A última coisa que esperava era ouvir-te a cantar este estilo, mas cantaste divinamente”

Paulo Ventura – “Discordo com o Paulo e achei uma grande escolha de música com um toque Rock”

 

[divider]

Jovens (Paulo Junqueiro)

D8 (DIOGO VALENTE)

Diogo Valente

Atuação:

Eminem e Sia – Beautiful Pain

Mais uma vez, como tem vindo a ser habitual, D8 adaptou uma música fazendo ele próprio a sua letra. Numa espécie de agradecimento, o concorrente prestou homenagem com a sua atuação ao mentor Paulo Junqueiro, inspirando-se no rap Beautiful Pain de Eminem com Sia. Tendo vindo de uma gala menos boa na semana passada, D8 conseguiu conquistar a aprovação dos jurados pela originalidade da sua música.

Comentário dos jurados:

 Paulo Ventura – “Quando escreves coisas sobre ti corre tudo tão bem e foi incrível”

Sónia Tavares – “Tens um coração fantástico e por isso é que consegues escrever tão bem”

DIOGO SANTOS

Diogo SantosAtuação:

Stevie Wonder – I Wish

Mais uma vez Diogo mostrou porque é um dos finalistas do concurso de talento, mostrando a poderosa voz que tem interpretando I Wish de Stevie Wonder. Num palco onde apenas ele se encontrava, um dos aspetos negativos apontado por alguns elementos do júri foi o desconforto apresentado pelo concorrente no palco, apesar de ser considerado por todos por um dos melhores cantores que pelo programa passaram.

Comentário dos jurados:

 Sónia Tavares – “A tua falta de prática no palco nota-se, e mereces que alguém te ensine, pois ninguém nasce ensinado”

Paulo Ventura – “Esse desconforto de estar em cima do palnco custa-me imenso, pois parece que não queres estar aí”

MARIANA

MarianaAtuação: 

Bruno Mars – Locked Out of Heaven

Mariana encheu o palco de alegria, mostrou a verdadeira garra lusitana ao interprtar um dos temas mais conhecidos de Bruno Mars. Completa, agarrou a música desde o início e demonstrou ser capaz de chegar muito mais além. Voz limpa, timbre diferente, merece a atenção total dos que a ouvem. Atuação muito forte, com personalidade e poder.

Comentário dos jurados:

Sónia Tavares – “Sobre o teu talento vocal já não há nada a dizer. Muitos parabéns”

Paulo Ventura – “A maneira como tomaste conta da música foi fantástica. Não existe ninguém como tu com a tua idade”

[divider]

Grupos (Paulo Ventura)

OS AURORA

AuroraAtuação:

 Pedro Abrunhosa – Tudo o que eu te dou


O último grupo de Paulo Ventura a atuar. Apresentaram uma música portuguesa vom bom arranjo vocal e fizeram, assim, uma prestação de grande qualidade. Um grande à-vontade em palco aliado a quatro vozes extremamente afinadas e bem conseguidas teve como resultado final uma das melhores performance da noite. Mostraram identidade.

Comentário dos jurados:

Sónia Tavares – “Enquanto cantores não vos tenho nada a apontar, apenas penso que o vosso reportório devia ser mais alegre”

Paulo Junqueiro – “Hoje fizeram uma coisa completamente diferente da semana passada, mas deviam trabalhar um bocadinho mais individualmente”

CUPCAKE

Cupcake

Atuação:

Lorde – Royales

Depois de terem estado por duas vezes consecutivas entre as menos votadas, as Cupcakes aproveitaram esta oportunidade para mostrar porque devem continuar no programa. Muito coordenadas, a girls band interpretou Royales da cantora Lorde. A atuação mereceu boas críticas do júri colocando as raparigas entre as melhores da gala.

Comentário dos jurados:

Sónia Tavares – “Se eu estivesse a jogar tinha-vos mandado embora a semana passada, pois vocês foram fantásticas”

Paulo Junqueiro – “Fiquei à procura de algo para dizer mal, mas não consigo. Parabéns!”

X4U

X4U

Atuação:

Mika – Lollipop

Esta semana os X4U pisaram o palco do Factor X para interpretar a música Lollipop do cantor Mika. Num cenário com muitas cores e luzes, o grupo de quatro rapazes conseguiu coordenar-se melhor que nas galas anteriores, no entanto ainda não demonstraram todos o mesmo nível de descontração havendo elementos que são puxados por outros. Uma atuação bem conseguida mas onde os vários elementos têm ainda de encontrar o seu papel no grupo.

Comentário dos jurados:

Paulo junqueiro – “Vocés deviam era trocar de mentor”

Paulo ventura – “Vocês passaram a alegria da canção a todos nós”

YEAH!LAND

YeahLand

Atuação:

The Lumineers – Ho Hey

Mais uma vez os Yeah!Land trouxeram ao público uma interpretação única dando espaço para todos mostrarem o poder das suas vozes. A junção das cinco vozes masculinas e femininas vai cada vez mais fortalecendo-se sendo um dos grupos mais fortes para chegar à final. A química entre os vários elementos foi o principal aspeto apontado pelos jurados.

Comentário dos jurados:

Paulo Junqueiro – “Já me declarei a vocês, mas esta semana não fiquei surpreendido. Má escolha de música.”

Sónia Tavares – “Aquilo que mais me atrai a vocês é a vossa união. Bom arranjo musical.”

[divider]

EXPULSÃO

jair neves

 Depois de mais uma noite repleta de brilhantes performances, apenas dez seguem em frente no programa. Jair e o grupo X4U foram os menos votados, e por isso tiveram ambos de cantar uma nova música para serem salvos pelo júri. O grupo optou por cantar a versão de ‘One Way or Another’ dos One Direction, e Jair escolheu “All Of Me” de John Legend. Após uma dura batalha, o jurado Paulo Junqueiro, responsável por salvar um dos concorrentes esta semana, acabou por dar uma segunda oportunidade aos X4U, eliminando o Jair.

[divider]

Até para a semana!

Texto e Análise: André Palma , Fábio Fernandes e André Kanas
Imagens finalistas: SIC
Imagem rubrica: Rui Lopes

Artigos Relacionados