SIC e THU preparam fundo de 10 milhões de euros para dinamizar a industria criativa

Trojan Horse was a Unicorn (THU) e a SIC decidiram unir forças para desenvolver as indústrias de entretenimento digital e interativo em Portugal.


Considerando que o país tem o talento e as condições necessárias para se tornar um player a nível mundial, as duas entidades uniram-se para potenciar em Portugal aquela que é a terceira maior indústria do mundo, englobando as áreas de audiovisual, filmes, jogos, animação, efeitos visuais e realidade virtual.  Assumindo a ambição e a visão estratégica que reconhece a importância e o potencial desta indústria para a criação de emprego e a atração de investimento e tecnologia para o país, o THU e a SIC têm intenção de lançar em conjunto, no próximo ano, um fundo de investimento de 10 milhões de euros que visa apoiar projetos em early-stage de criadores da comunidade do THU, a ser implementados em Portugal.

Esta sinergia pretende tirar partido das valências e competências de ambas as empresas para dinamizar a indústria criativa, criando novos mecanismos para o seu desenvolvimento, tais como: promoção de programas e ações educativas; incubação de talento; criação de hubs de produção e outras iniciativas nas áreas do cinema; produção para televisão; animação; gamingstreaming, entre outras. O objetivo é apoiar o talento local, com especial enfoque nos jovens.

“A SIC tem um historial de pioneirismo em todos os seus projetos. Ao longo dos últimos anos, desenvolvemos marcas que têm aberto novos horizontes na produção de conteúdos, como a Opto ou o ADVNCE. Esta parceria segue essa vontade: de apoiar a nova criação e de reconhecer o mérito de quem está a iniciar a sua atividade com ideias disruptivas. A nossa participação no Fundo permitir-nos-á ter acesso exclusivo aos melhores conteúdos e talento internacional”, afirma Francisco Pedro Balsemão, CEO da IMPRESA, detentora da SIC.

Criado em Portugal em 2013, o Trojan Horse was a Unicorn (THU) é hoje uma marca de renome internacional na indústria. André Luís, fundador do THU, explica que “temos crescido muito e conseguimos criar uma comunidade global que reúne todas as áreas do setor, promovendo o acesso a oportunidades e fazendo a ponte entre todos os stakeholders: recrutadores, investidores, talento e empresas. E é exatamente isso que, em conjunto com a SIC, que partilha da mesma missão, queremos trazer para o país”. O principal evento do THU, que decorreu em Portugal de 2013 a 2017, regressa este ano a Tróia para a sua oitava edição, de 20 a 25 de setembro, após duas edições realizadas em La Valetta, Malta.

A indústria de entretenimento digital é a terceira maior do mundo, englobando as áreas de audiovisual, filmes, jogos, animação, efeitos visuais e realidade virtual. Na Europa, o conjunto das indústrias criativas vale mais de 509 mil milhões de euros e estima-se que gere 12 milhões de postos de trabalho diretos. No Reino Unido, representa 5,2% da economia. Áreas como a realidade virtual e a animação são duas atividades em rápido crescimento nas economias desenvolvidas.


André Kanas

http://www.facebook.com/andrekanas

Administrador do Quinto Canal desde 2014, integrando o projeto desde 2013. Responsável pelas principais coberturas musicais e televisivas. Gestor de conteúdos e redes sociais do Quinto Canal. Integrado no mundos dos blogues e sites de entretenimento desde 2007. Quinto Canal - Sempre Consigo

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *