RTP Televisão

Presidente da administração da RTP quer reunir com Governo antes de abandonar cargo

Após o Governo ter anunciado a demissão da atual administração da RTP, agora é o próprio presidente da estação pública que pede uma reunião com o ministro que tomou a decisão antes de abandonar o cargo.

Tal como o Quinto Canal anunciou, o ministro Miguel Poiares Maduro, em nome do Governo e a pedido do Conselho Geral Independente, decidiu demitir de imediato Alberto da Ponte e a sua restante equipa de administração, com base na decisão de ter comprado os direitos de transmissão da Liga dos Campeões para as próximas três temporadas.

Segundo o Diário de Notícias, agora é o próprio presidente que pede uma auditoria com Miguel Poiares, para que possa ser ouvido antes de este formalizar a sua destituição. Alberto da Ponte quer explicar a decisão tomada pela sua equipa, e acredita que a administração cumpriu todos os deveres no exercício das funções.

Após o anúncio da demissão, ainda nenhuma das partes se pronunciou oficialmente sobre o caso. Contudo, a Assembleia Geral que foi pedida pelo Conselho Geral Independente, e que serviria para oficializar a demissão antes de o governo a ter anunciado, irá acontecer na mesma, apesar de ainda não ter data prevista, podendo decorrer num espaço de dias.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados