Cinema RTP Televisão

«O Pátio das Cantigas» e outros clássicos recebem remake apoiado pela RTP

Depois de gravadas a preto e branco nos anos 40, três clássicos do cinema português vão ser alvo de remake nas próximas semanas, com apoio da RTP. O Pátio Das Cantigas é o primeiro, e já está em fase final de gravação.

Com as gravações a terminarem esta semana, O Pátio das Cantigas foi o primeiro de três filmes clássicos e marcantes do cinema português a receber luz verde para um remake, sendo assim adaptado para a história atual do dia-a-dia, tendo estreia prevista para 2015. Deste projeto de recriação, por parte do realizador Leonel Vieira, fazem parte ainda os filmes O Leão da Estrela e A Canção de Lisboa, ambos a serem exibidos igualmente nesse ano.

Com um custo total de três milhões de euros, a RTP já anunciou que está a apoiar o remake destes três filmes. Alberto da Ponte, presidente da estação pública, já enalteceu o projeto, dizendo que vale a pena apoiá-lo, pois é a cara do serviço público. Também Hugo Andrade, diretor de programas, admitiu ter sido talvez o projeto que mais facilmente a RTP apoiou, dada a sua importância. Para já, sabe-se que, apesar de ser um filme, O Pátio das Cantigas será transmitido em três episódios na televisão.

Ainda sobre a película, que contará com um elenco de luxo, de onde se destacam César Mourão, Rui Unas, Sara Matos, Manuel Marques, Oceana Basílio, Dânia Neto, Manuel Cavaco, Aldo Lima, entre outros, o objetivo é reconstruir as estórias de amor e trazê-las para os dias de hoje. Miguel Guilherme será o protagonista da história, e estará ainda presente nos restantes filmes. Irá interpretar o papel de Evaristo, um homem conservador, antiquado e com mau feitio, que decide abrir uma loja gourmet num bairro de Lisboa. Pela frente irá ter Narciso, interpretado por César Mourão, que é dono de um tuk-tuk, e que irá disputar consigo o amor de Rosa, personagem de Dânia Neto. Amália Rodrigues será interpretada por Sara Matos.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados