Novelas Televisão TVI

Conheça a história da novela «Bem Me Quer»

Com estreia marcada para o final do mês de outubro, a TVI já revelou a história principal da sua novela Bem Me Quer.

Protagonizada por Kelly Bailey, Bárbara Branco e José Condessa, Bem Me Quer estreia na próxima segunda-feira, 26 de outubro. A novela irá ser transmitida no primeiro horário, empurrando assim Amar Demais para o lugar atualmente ocupado por Quer o Destino.

A poucos dias da sua estreia, a TVI já revelou também a história principal que irá servir de fio condutor à sua nova novela:

Bem Me Quer narra as peripécias de uma pastora que passou toda a sua vida numa aldeia remota da Serra da Estrela e, de repente, é obrigada a ir viver para a cidade. É uma história romântica que toca temas como a família e a amizade, a ambição e a ganância. Mas, e sobretudo, o amor. Maria Rita (Kelly Bailey) vive na Serra da Estrela com o seu avô. São pastores e produtores de queijos artesanais. Ela adora a vida que tem e não a trocaria por nada, mas a sua liberdade e o mundo que conhece estão em risco, pois a falência iminente ameaça a queijaria.

Um dia, chega à serra um advogado da cidade, David (José Condessa), que traz uma mensagem do homem que diz ser o pai de Maria Rita. Esta acredita que os pais morreram há muitos anos e começa por duvidar, mas o avô conta-lhe que é verdade. Ela é filha de um homem muito rico, um industrial de cerâmicas em Aveiro que abandonou a mãe dela ainda antes de ela nascer. Esse homem é Henrique Trindade Sousa (Pêpê Rapazote), casado e com três filhos e está na cadeia, acusado de desfalcar a empresa da família. Ele diz a Maria Rita que quer compensá-la por tudo o que perdeu e propõe-se pagar todas as dívidas da queijaria se ela for viver para Aveiro e ocupar o lugar que lhe pertence na família. Mal sabe ela que não é apenas isso que o pai quer.

Maria Rita começa por recusar, mas a saúde frágil do avô e o carinho que tem por ele levam-na a aceitar a proposta. Ela muda-se para Aveiro, sem suspeitar de que vai cair num torvelinho de interesses e no fogo cruzado entre duas famílias. Mas é também aí que ela encontra o seu primeiro amor. David é um advogado da cidade. Filho de famílias ricas, teve tudo menos o afeto do pai que nunca conheceu. Cresceu entre um tio ambicioso e uma mãe que lhe deu pouca atenção. Move-se num mundo em que os interesses se sobrepõem aos afectos e convive bem com isso.

A chegada de Maria Rita a Aveiro provoca surpresa na família Trindade Sousa. Ninguém sabia da sua existência e a rejeição é imediata. Henrique está preso e aquela casa é um enxame de inimigos. Maria Rita acaba por se apoiar em David. O problema é que ele é o namorado da sua irmã mais velha, Vera (Bárbara Branco).Vera também cresceu longe de afetos. O pai sempre estava ocupado a tornar-se cada vez mais rico e a mãe é uma socialite ambiciosa com muito a esconder. A chegada daquela irmã desconhecida é uma afronta que ela não pode suportar. Sobretudo porque, desde logo, a sente como uma ameaça ao seu namoro com David.

Entretanto, aproxima-se o julgamento de Henrique. Este sempre protestara inocência e pede ajuda a Maria Rita. Ela tem de cometer perjúrio por ele e dar-lhe um falso álibi. Para a pastora é uma enorme desilusão e começa por se recusar. Volta para a terra, decidida a esquecer aquele episódio, mas descobre então que o pai estava mesmo inocente. Henrique tinha sido incriminado pela mulher, Mercedes (São José Correia), e pelo seu sócio e melhor amigo, Rodolfo Quintela (Joaquim Horta), o tio de David. Maria Rita decide-se a ajudar o pai. Henrique é absolvido e sai em liberdade. A relação entre pai e filha estreita-se, para desespero de Vera que vê a irmã usurpar tudo o que ela mais quer: o afeto do pai e o amor de David.


  • Leia também:

SIC volta a apostar em programa com famosos

 

Artigos Relacionados