Cabo Televisão

Investigation Discovery estreia nova temporada de «People Magazine Investigates»

Saída das páginas da revista People, uma das publicações mais populares dos EUA, esta série propõe-se revelar as histórias impactantes de vidas e famílias destroçadas pelo crime.

O caso conhecido como As Três de Springfield assinala a estreia de uma nova temporada de People Magazine Investigates, cuja estreia da nova temporada acontece a 28 de novembro,  em exclusivo no ID: Investigation Discovery, continuando a desvendar a verdade sobre os personagens mais infames e os crimes mais marcantes dos EUA.

A série mergulha no âmago destas comoventes histórias de famílias destroçadas por crimes que transcendem os noticiários, para fazerem parte da cultura popular. Com entrevistas exclusivas, factos jornalísticos e pungentes relatos pessoais de pessoas envolvidas na investigação, os jornalistas da People procuram divulgar novos factos e provas, enquanto revelam as reviravoltas e decisões inesperadas que acontecem no decorrer da investigação de cada caso.


Leia também: Prémios Quinto Canal 2019 – Vote nos seus favoritos

No episódio de estreia recuamos até 1992, ao dia de graduação no Liceu de Kickapoo, em Springfield, Missouri. Depois de receberem os diplomas do liceu, as jovens Suzie Street e Stacy McCall vão celebrar com amigos. As duas raparigas são vistas a deixar a festa, mas na manhã seguinte, não há rasto delas, bem como da mãe de Suzie, Sherill Levitt, que também desapareceu. Na casa onde passaram a noite, as pistas pouco ou nada revelam no sentido de apurar o paradeiro das três mulheres. Os carros estão na entrada, as malas então dentro de casa com as carteiras. A televisão está ligada, mas não há ninguém no interior da habitação. A porta entreaberta e vidros partidos indicam que algo de estranho se terá passado. Mas o que poderá ter acontecido?

A investigação será uma montanha russa de informação, pistas e becos sem saída, à medida que as autoridades tentam desvendar o mistério de As Três de Springfield. Já passaram 27 anos desde o desaparecimento destas mulheres e muitas são as teorias apresentadas, algumas delas mirabolantes. Raptadas por extraterrestres, vendidas numa rede de tráfico humano, envolvidas num culto satânico, assassinadas e cortadas aos pedaços e alimentadas aos porcos são algumas das explicações do povo de Springfield para este caso que apaixona a comunidade local há quase três décadas.

Artigos Relacionados