«Afeganistão» é o novo especial do canal Odisseia

No momento em que o mundo assiste ao regresso ao poder dos talibãs após a retirada das forças militares dos Estados Unidos e dos seus aliados, o canal Odisseia estreia o especial Afeganistão: Para Lá das Notícias, um bloco de cinco produções, para entre setembro e outubro.


O especial arranca com Afeganistão: o País Ferido, uma série documental composta por quatro episódios, para ver todas as quarta-feiras  até 29 de setembro, que, através de imagens de arquivo inéditas e dos testemunhos de homens e de mulheres, contam a história do Afeganistão desde os anos 60 até aos dias de hoje. Vencedor do FOCAL International Awards 2021 e do Grimme Award 2021, este trabalho foi ainda nomeado para os Rockie Awards 2021 e RealScreen Awards 2021, tendo sido finalista do Rose D’Or 2020.

A 06 de outubro, o canal Odisseia estreia Quero Recuperar o Meu País: A Luta das Mulheres Afegãs, um documentário que conta com testemunhos de várias protagonistas e apresenta uma seleção inédita de imagens de arquivo que ajudam a rever a situação e os sonhos das mulheres afegãs. Sima Samar, Ministra dos Assuntos das Mulheres, Zohra Yousuf, Miss Afeganistão, Nilofar Ibrahimi, médica que negoceia com os talibãs e Nadia Ghulam, a rapariga que fingiu que era um rapaz, são algumas das participantes.

Afeganistão: Mulher, Presidente da Câmara e Combatente é o documentário que se segue a 13 de outubro, a partir das 22h30, para dar a conhecer Zarifa Ghafari, de 27 anos, a primeira Presidente da Câmara mulher na província de Wadark e a mais jovem no cargo que declarou guerra aos grupos mafiosos da zona. Desde 2018 que Zarifa é Presidente da Câmara de Maidan Shar, uma cidade de 35 mil habitantes a sudoeste de Cabul, sendo que é muito raro encontrar mulheres nestes cargos de liderança no Afeganistão e muitos homens sentem-se ultrajados com esta situação.

Segue-se no mesmo dia a estreia de Afeganistão: Dará à Luz no Caos, pelas 22h55, para mostrar que até os recém-nascidos se tornam alvos na guerra. No dia 12 de maio de 2020, um grupo armado atacou uma maternidade dos Médicos Sem Fronteiras em Cabul, matando 25 pessoas, na sua maioria mulheres prestes a dar à luz. A sociedade afegã ficou em estado de choque, apesar de já ter testemunhado inúmeras matanças indiscriminadas. Por último será emitido Afeganistão: Viver num Território Talibã, com estreia às 23h19 dando a conhecer um grupo de repórteres que se aventurou em território talibã para conhecer, em primeira mão, como vivem e se organizam os insurgentes.


André Kanas

http://www.facebook.com/andrekanas

Administrador do Quinto Canal desde 2014, integrando o projeto desde 2013. Responsável pelas principais coberturas musicais e televisivas. Gestor de conteúdos e redes sociais do Quinto Canal. Integrado no mundos dos blogues e sites de entretenimento desde 2007. Quinto Canal - Sempre Consigo

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *