Séries

Série «Doc» chega a Portugal pela mão do canal AXN

Sendo uma das principais apostas para esta rentrée televisiva, o canal AXN estreia em exclusivo em Portugal a sua nova série Doc.

Como seria acordar sem nos lembrarmos dos últimos 12 anos de vida? Não sabermos que Barack Obama foi presidente dos Estados Unidos, que Portugal foi Campeão Europeu de futebol ou sequer como funcionam as redes sociais? Pode parecer uma ideia muito distante mas foi o que o médico italiano Pierdante Piccioni viveu na pele. O homem que teve de juntar as peças da sua vida e esperar por se lembrar de 12 anos que lhe pareciam ter sido vividos por outra pessoa tornou-se num caso conhecido no mundo inteiro. Agora, a história é recontada na série Doc, com estreia marcada já na próxima semana no AXN.

 Nascido em Cremona, em 1959, Pierdante conquistou vários sucessos na área da medicina: tornou-se diretor das Urgências dos Hospitais Lodgi e Codongo, consultor do Ministério da Saúde e membro do conselho da Academia de Medicina de Emergência e Cuidados. Mas, em 2013, a sua vida mudou radicalmente após um acidente que o fez acordar de um coma com um apagão dos últimos 12 anos de vida. Os pormenores pessoais sofrem algumas adaptações na série que estreia agora no AXN, mas o mote mantém-se: o médico acorda a achar que está num ano muito anterior ao que está na realidade, onde a moeda de Itália ainda é a lira e a tecnologia se encontra em desenvolvimento. Pessoas que surgiram na sua vida nestes anos todos são agora perfeitos estranhos e o seu conhecimento de medicina sofre um gigante retrocesso.

 Na série, Piccioni é Andrea Fanti, interpretado pelo ator Luca Argentero. Tal como na vida real, a personagem vive de lembranças que os outros lhe devolvem, volta a estudar e a reconstruir as suas relações com os colegas – estar do lado do paciente vai mudar também o médico que já foi. A estreia em Portugal está marcada para o dia 08 de setembro, terça-feira.


  • Leia também:

Nova temporada de «Duelo Impossível» chega ao Discovery

 

Artigos Relacionados