só séries

Num panorama repleto de séries de várias categorias que muitas vezes se tornam repetitivas, confesso que nem sempre vejo com bons olhos a estreia de uma nova produção. Contudo, vou tentando acompanhar na expetativa de que seja surpreendida por aquilo que me é oferecido. Depois de ter ficado totalmente rendida a True Detective (que volto a repetir é a melhor série em exibição atualmente), eis que me deixei levar por Enlisted, a nova comédia da FOX.

Criada por Kevin Biegel, a estreia de Enlisted ocorreu em janeiro deste ano no canal FOX e tem uma temática um pouco controversa, abordando a outras faces da vida militar nos Estados Unidos. A história centra-se em três irmãos cujo pai era um militar e que por ventura influenciou a sua decisão no futuro. O Sargento Pete Hill (Geoff Stults), o filho mais velho, é obrigado a regressar aos Estados Unidos depois de ter agredido um superior no campo de batalha. O seu comportamento exibicionista levou-o a ser transferido para uma base militar no ficcional Fort McGee. Nessa base, estão alguns soldados à espera que sejam chamados para o campo de batalha, a recuperar de acontecimentos traumáticos ou simplesmente em funções mínimas como assegurar o bem-estar das famílias dos que foram para a guerra e receber os soldados mandados para casa. Lá, Pete vai encontrar os seus irmãos Derrick (Chris Lowell), o do meio, e Randy (Parker Young), o mais novo. Ele ficará encarregue de comandar um pelotão de soldados que fogem ao estereótipo já criado: são desengonçados, preguiçosos e sempre prontos para a brincadeira. O grupo comandado pela Sargenta Jill Perez (Angelique Cabral) irá tornar-se seu rival e eles irão competir para ver quem é o melhor soldado. Tudo isto sobre a supervisão cuidada do Comandante Donald Cody (Keith David), um antigo amigo do pai dos irmãos Hill e que tem à sua responsabilidade a direção daquele campo militar.

enlisted

A história pode até parecer simplista e à primeira vista dar a entender a quantidade de estereótipos que serão utilizados. Mas onde Enlisted se destaca é nisso mesmo: os soldados são únicos e completamente diferentes daquilo que se estaria à espera.  Existem as mais diversas situações geradas pela personalidade única dos soldados do grupo do Sargento Hill. A história principal que incide sobre a dinâmica entre os irmãos consegue roçar o drama mas nunca o chega a ser. Somos capazes de sentir os olhos em lágrimas mas imediatamente a seguir estamos a rir desenfreadamente. E os criadores esforçam-se para transpor a complexidade relacional entre aqueles irmãos, uma vez que são todos muito diferentes entre si e que as suas personalidades colidem frequentemente. Outro ponto bastante interessante que esta série aborda é a situação psicológica daqueles que ficam à espera que os seus familiares militares regressem. Inclusive, Randy, o irmão mais novo, costuma visitar as famílias e coordenar sessões de apoio para que não se sintam abandonadas.

O elenco é composto por atores conhecidos do género o que ajuda a implementar o humor negro presente na história. Todos os atores conseguem ser bastantes bons nos seus papéis e até os exageros de atuação, que existem bastantes, parecem de acordo com a personalidade da personagem representada. Os diálogos surgem de forma fluída e aprecio bastante a dinâmica de grupo de atores, que parece que trabalha junto há imenso tempo.

enlisted3

Considerando que Enlisted é uma série de comédia não são muitos os efeitos especiais utilizados. Ocasionalmente aparece uma explosão ou outra mas nada que se destaque. O modo de filmagem utilizado permite uma dinâmica interessante na série, mas nada de muito excecional.

Para a primeira temporada de Enlisted foram encomendados apenas 13 episódios. Apesar de ter baixas audiências, a crítica à série tem sido bastante positiva e os (poucos) fãs que a acompanham estão rendidos. É sem sombra de dúvida uma comédia bastante divertida, que também consegue ter uma ponta de sentimental, e que veio trazer algo de novo ao panorama televisivo, saturado de dramas sobre esta temática.

 

Outras Notícias