Rubricas Só Séries

Só Séries: Aventuras épicas em «The Shannara Chronicles»

Só Séries

O canal MTV tem vindo a apostar em séries televisivas sobre o fantástico e após o sucesso de Teen Wolf resolveu investir na adaptação da saga literária The Shannara Chronicles. Gostam de magia e fantasia? Então esta série é para vocês…

Situada num futuro pós-apocalíptico, onde humanos coexistem com outras criaturas do fantástico, a história centra-se na saga de Wil (Austin Butler), Amberle (Poppy Drayton) e Eretria (Ivana Baquero) trezentos anos depois da War of Races, que ditou o fim da magia e confinou os demónios a um reino sombrio, de onde eles nunca mais conseguiriam sair devido à proteção mágica de uma árvore antiga, a Ellcrys. Contudo, essa árvore está prestes a morrer e isso permitirá os demónios escaparem e destruírem as Four Lands. Cabe ao trio de protagonistas voltar plantar a semente da Ellcrys para ela recuperar o seu poder mágico.

A história não é muito complexa e foram imensas as mudanças feitas das obras literárias, escritas por Terry Brooks, o que tem desagradado a muitos fãs. Sendo uma série da MTV acaba por ser dirigida para um público jovem adulto, o que se nota imenso ao darem mais destaque aos conflitos amorosos do trio de protagonistas do que ao contexto cultural de cada “raça”. Não deixa de ser contudo uma boa história obre o mundo fantástico e não desilude os fãs deste género.

©MTV
©MTV

A qualidade do roteiro é novamente posta em causa no que toca aos diálogos feitos, que aliados ao fraco desempenho de alguns atores, se tornaram demasiado mecânicos e forçados. Existem alguns clichés típicos e falta alguma química entre os atores, o que não proporciona uma boa experiência ao espectador, que só não é pior porque a série é recheada de momentos cómicos.

Onde a série realmente peca, e isto nota-se em todas as produções que recorram imenso ao green screen e que carecem de fundos para isso, é na fraca qualidade dos efeitos visuais. Apesar de ter sido gravada na Nova Zelândia, zona conhecida pelas suas paisagens naturais fantásticas, existem cenários e criaturas digitais que estragam todo o misticismo que a série poderia ter. Não percebo porque em algumas “raças” apostaram unicamente na caracterização dos atores e em outras criaram personagens digitais. Por muito fraca que estivesse a caracterização, o que até não é o caso, teria um impacto mais positivo no espectador.

[youtube id=”seFWKNtkSDo” width=”620″ height=”360″]

Como fã do género fantástico, estou curiosa para ver o que há mais para conhecer do universo de Shannara. Além de que existem muitos mistérios na história por descobrir, valorizo uma série sobre fantasia que não seja sobre vampiros e lobisomens. Não sei é até que ponto a mesma  vai sobreviver às fortes críticas dos fãs dos livros e vingar num mundo onde o público é cada vez mais exigente. A primeira temporada de The Shannara Chronicles tem dez episódios e é transmitida no canal MOV todas as segundas às 22h30.

Pontos Positivos[checklist]

  • História simples mas cativante
  • Boa caracterização dos atores

[/checklist]

Pontos Negativos[badlist]

  • Fracos efeitos visuais
  • Diálogos forçados
  • Demasiado focada no triângulo amoroso

[/badlist]

Outras Notícias