Insólitos Rubricas

Insólitos: Paciente russo morre após agressão de médico anestesista [com vídeo]

insólitos

 

A finalizar este fim-de-semana, o Insólitos traz-lhe uma história que muito tem de fora do comum, mas nada tem de cómico. Quando falamos em médicos, pensamos em heróis, pessoas que têm a capacidade de salvar vidas. Contudo, (e sabe-se lá porquê!) há médicos que de nada têm de heróico nos seus actos. E é um desses exemplos que lhe trazemos hoje.

Foi na Rússia que um médico anestesista foi apanhado a esmurrar, no peito e na cabeça, um paciente que se encontrava amarrado à cama uma vez que havia sido operado, momentos antes, ao coração. O homem não resistiu à agressão, acabando por morrer pouco depois.

O sucedido foi registado pelas câmaras do hospital, e as imagens circulam agora na internet:

Como justificação, Andrey Votyakov, médico e chefe dos anestesistas do hospital, alegou cansaço provocado por um turno de 36 horas. Segundo as suas declarações, Votyakov afima que: «assim que cheguei ao local com a minha equipa, ele (o paciente) começou a chamar-me vários nomes pejorativos e eu deixei-me levar. O caso do paciente era extremamente complicado e demorado. Fizemos o nosso melhor para que recuperasse e ele não disse uma única palavra de agradecimento».

Apesar de arrependido, este médico anestesista enfrenta agora uma pena de 15 anos de prisão, se for comprovado que, com os murros, provocou “lesão corporal grave e perigosa resultante na morte de uma pessoa”.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados