Gira Discos Rubricas

Gira Discos – Os Sons do Passado: Vitorino

Vitorino Salomé ou simplesmente Vitorino é o cantor de destaque desta semana em Gira Discos – Os Sons do Passado.

Em 1975, Semear Salsa ao Reguinho, foi o primeiro de muitos sucessos que o cantor viria a ter, ou não fosse nesse ano que Menina estás à janela saltou para a boca do povo.

Nascido que uma família com fortes raízes musicais, o cantor esteve imigrado em França a estudar pintura, tendo que lavar pratos em restaurantes para sobreviver. Um amigo disse-lhe que mais valia cantar na rua, pois ganhava muito mais e assim foi. Na rua do metro começou a cantar, levou a guitarra e deixou os pratos de lado. Nunca mais parou. Amigo de Zeca Afonso colaborou em alguns dos seus álbuns e foi sempre editando os seus.

vitorino salome

Desde o primeiro trabalho discográfico que Vitorino tem vindo a somar sucessos e não só em português. Da sua já longa lista de trabalhos, destacam-se também Desde El Día En Que Te Vi, gravado em Cuba e um dos seus maiores sucessos por lá.

Entre tantos projetos feitos, em Novembro de 2001 foi editado o CD Alentejanas e Amorosas, que incluiu os temas Vou-me Embora Vou Partir e Alentejanas e Amorosas, outros dois grandes sucessos. Integrou vários grupos e lançou um novo CD ao lado do irmão Janita Salomé em 2004.

Participou na campanha para implementar o ensino em Timor com o CD Uma Escola Para Timor, de 2000. Seis anos depois, em 2006, completou 30 anos de carreira e para assinalar a data foi editada uma compilação, Tudo com os 50 temas mais emblemáticos do cantor. Ao todo foram três discos temáticos subordinados ao O Alentejo, Lisboa e O Amor.

Em 2010, na comemoração do centenário da República, editou um CD, com o apoio do Jornal de Notícias e do Montepio com duas músicas originais, intitulado Viva A República, Viva.

[youtube id=”KYcl0Ljc_jQ” width=”620″ height=”360″]

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados