O novo programa de Rita Ferro Rodrigues, Até à Verdade, continuava a ser notícia há um ano atrás. Por outro lado, falava-se ainda de Liliana Aguiar e dos 26 telefilmes que a TVI preparava na altura. Envolvendo mais de 200 atores, este projeto dava continuidade ao trabalho que havia sido realizado nos conhecidos Casos da Vida.

São estes os temas do Foi Notícia desta quinta-feira! Seja bem-vindo a mais uma viagem ao passado!

[divide style=”2″]

O ciclo dos telefilmes da estação de Queluz de Baixo iniciou-se há cerca de um ano. 26 histórias foram escritas e gravadas de forma a representar alguns dos problemas da sociedade portuguesa, tais como a violência doméstica, a discriminação, o desemprego ou a infidelidade. O projeto envolveu mais de 200 atores, alguns do quais participaram em mais do que um projeto. Fernanda Serrano, Maria João Abreu, Pedro Lima, Nuno Homem de Sá, Virgílio Castelo, Sara Prata, Marco Delgado, José Carlos Pereira ou Miguel Guilherme foram alguns dos nomes que integraram o elenco destas histórias.

Apesar de terem sido anunciados com pompa e circunstância, a transmissão dos telefilmes acabou por ser adiada. As audiências não ajudaram, o que levou a que apenas 10 deles fossem para o ar.

Ainda este ano José Fragoso falou sobre a possibilidade do regresso destas histórias aos ecrãs da estação de Queluz de Baixo. «Fizemos uma exibição de 10 filmes que estavam prontos e, brevemente, vamos exibir o resto, assim que o futebol terminar, até porque as audiências corresponderam às nossas expetativas», explicou o diretor de programas da TVI à TV Guia há cerca de dois meses.

Até agora, as restantes 16 histórias aguardam um novo futuro. Quando é que ele será decidido?

[divide style=”2″]

Desde há muito tempo que Liliana Aguiar demonstra a sua vontade em regressar aos ecrãs nacionais. Sem projetos televisivos há vários meses (recusou participar em Perdidos na Tribo por motivos pessoais), a apresentadora que deu a cara por Sempre a Somar na TVI, nunca mais voltou a brilhar no canal que a lançou. Apesar disso, há cerca de 365 dias atrás Liliana Aguiar adiantava à Vidas um possível regresso à televisão: «Falam-me em vários projectos mas ainda não há nada de concreto. O canal será, sem dúvida, a TVI, é a minha cara. Como foi o meu primeiro canal, tenho mesmo um amor muito especial pela TVI.»

Passado tanto tempo, a também modelo continua à espera de verdadeiras propostas. Depois do término de Sempre a Somar, nem ela nem Ana Lúcia foram convidadas a integrar outros projetos na estação de Queluz de Baixo. A única profissional que conseguiu vingar, uma excepção à regra, foi precisamente Andreia Rodrigues, que para além de conduzir o Fama Show, dá ainda a cara pelo horário nobre da SIC no Gosto Disto!.

Neste caso, penso que é visível o motivo pelo qual Liliana Aguiar continua afastado da televisão: falta de talento. O próximo vídeo é uma prova disso:

[divide style=”2″]

Por fim, de salientar o programa de Rita Ferro Rodrigues, cuja segunda temporada pode estar a ser equacionada para os próximos tempos. Em julho de 2011, a apresentadora da SIC explicava que iria dedicar-se a um grande desafio. Recorde as suas declarações à Nova Gente:

Sim, já estou a preparar um projeto novo. Ainda não posso revelar nada, mas posso dizer que estou muito entusiasmada com o novo programa que, em princípio, estreia em eetembro. Vai ser um grande desafio e muito diferente de tudo o que tenho feito até agora. Um bocadinho polémico, até. Vou ser posta à prova na minha faceta de jornalista e também de apresentadora. Requer os meus dois lados. Foi um grande voto de confiança por parte da Júlia Pinheiro e fiquei muito feliz com este desafio.

A aposta da SIC em Até à Verdade foi ganha e, por esse motivo, pode estar em calha uma nova edição do mesmo. Rita Ferro Rodrigues merece!

[divide style=”2″]

Até para a semana!

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados