Por estes dias no Brasil a Globo tem comemorado os bons resultados audiométricos das suas novelas e o destaque está a ir todo para Cheias de Charme. A novela de  Filipe Miguez e Izabel de Oliveira está ser a febre da televisão brasileira e tem somado recordes de audiência chegando mesmo a atingir apenas 4 pontos de diferença da principal novela do canal, Avenida Brasil. Usando a vida das empregadas domésticas como base a trama tem também aproveitado para revelar o talento de alguns atores para cantar.

Com tantos cantores ficticios na novela, a ficção acabou por se confundir com a realidade e Leandra Leal, que dá vida a Maria do Rosário, chegou mesmo a ser convidada por algumas editoras para lançar um CD seu. Apesar de lisonjeada pelo convite a cantora preferiu não misturar as coisas e ficar apenas dedicada à carreira de atriz.

Outro sucesso atual na Globo é Gabriela, que tem Juliana Paes no principal papel. Estreada na passada semana, a novela tem conquistado o público e alguns editores de revistas masculinas, que vêem nas atrizes do núcleo do Bataclan potênciais capas de revista. Com o sucesso de Leona Cavalli como Zarolha, a atriz já assinou um contrato com a Playboy para fazer um ensaio sensual para a produção.

O Bataclan é o ‘antro de perdição’ de Gabriela

Estes são dois exemplos do que não se faz por cá. Se por um lado existe a teoria de lançar jovens atores como cantores,  sem que haja um mercado com espaço para tal, não são aproveitadas oportunidades mediáticas para promover os seus produtos de boa forma. Apesar de termos tido o exemplo de Rita Pereira e Dânia Neto na capa da Playboy, sendo as duas rostos das novelas da TVI e SIC respetivamente, o fato é que tal não ajudou a elevar as audiências das suas produções.

Para viajar nas asas do sucesso não basta querer é preciso saber quando a melhor altura e forma e principalmente não misturar áreas. Se um ator é bom naquilo que faz não é preciso pô-lo a cantar ou vice-versa. Ainda assim, o talento tem de ser reconhecido e juntar um sucesso televisivo a um caso mediático pode sempre trazer benefícios, veja-se a polémica entre Luciana Abreu e FF, que tão boas alegrias deu à TVI.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados