“Porto/Post/Doc” apresenta filmes de Prince, Ryuichi Sakamoto, PAUS e Pop Dell’Arte

Está fechada a programação para o Transmission do Porto/Post/Doc, que promete dar a ver e ouvir o melhor da música contemporânea através de filmes, concertos e performances. 

PrinceRyuichi SakamotoM.I.A ou The Velvet Underground são alguns dos artistas em foco entre 24 e Novembro e 2 de Dezembro no festival de cinema portuense. No plano nacional, destaque às estreias em sala de cinema de Ainda Tenho Um Sonho Ou Dois – A História Dos Pop Dell’ArtePAUS Madeira e o regresso ao histórico Chico Fininho.

A estreia nacional de Sign O’ The Times, escrito e realizado pelo músico Prince, marca a cerimónia de entrega de prémios do festival, no dia 2 de Dezembro, no Teatro Municipal do Porto – Rivoli. O filme documenta a apresentação ao vivo do álbum homólogo do compositor norte-americano, no final dos anos 80, com uma combinação de gravações de concertos na Holanda e na Bélgica e nos estúdios Paisley Park. Em estreia também, um documentário sobre Ryuichi Sakamoto, um dos maiores génios da música contemporânea, que regista a interpretação ao vivo inédita, em Nova Iorque, do seu oitavo álbum, “Async”. Num registo diferente, o documentário “MATANGI / MAYA / M.I.A.” retrata a estrela do hip-hop M.I.A. nas suas mais variadas facetas: da música ao activismo. É um filme-acontecimento.


Leia também: “MEO Séries” é o novo serviço exclusivo do MEO

Em português, o Porto/Post/Doc exibe documentários que olham algums dos nomes que marcam o presente do panorama musical nacional: Ainda Tenho Um Sonho Ou Dois – A História Dos Pop Dell’Arte, de Nuno Duarte e Nuno Galopim, PAUS Madeira, de Ernesto Bacalhau, e Escola do Rock, de Amadeu Pena da Silva, co-produzido pelo próprio festival. Regresso, ainda, à década de 80 com a nostalgia de Chico Fininho, o mítico filme de Sério Fernandes.

A programação de filmes da secção Transmission inclui ainda o mais recente filme do realizador galego Lois Patiño, O Espírito de Pucho Boedo, e Rudeboy: The Story Of Trojan Records, de Nicolas Jack Davies. A curta-metragem The Velvet Underground Played At My High School, de Tony Jannelli e Robert Pietri, será exibida em conjunto com um showcase de apresentação do novo álbum do músico Little Friend.

O festival apresentará ainda mais três momentos musicais: um concerto de Joana Gama e Luís Fernandes acompanhado de projecção de imagens imersivas da galáxia, a acontecer no Planetário do Porto – Centro de Ciência Viva; um concerto de Valentina Magaletti e João Pais Filipe, em parceria com a Lovers & Lollypops e o Teatro Municipal do Porto, e ainda uma performance do colectivo purge.xxx, no âmbito do lançamento do disco de estreia de Chris Petit – realizador que estará em foco no festival – e dos Mordant Music.

O Porto/Post/Doc decorre entre 24 de Novembro e 02 de Dezembro no Teatro Municipal do Porto – Rivoli, no Cinema Passos Manuel, no Cinema Trindade, no Planetário do Porto – Centro Ciência Viva, na Faculdade de Belas Artes da Universidade do Porto e Escola das Artes – UCP.

André Kanas

http://www.facebook.com/andrekanas

Diretor e Gestor de conteúdos e redes sociais do QC | Responsável pelas coberturas musicais e televisivas do QC | Integrou o QC em 2013, estando integrado no mundos dos blogues e sites de entretenimento desde 2007.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *