Cinema

Victória Guerra encarou cenas de nudismo em «Linhas de Wellington» com naturalidade

A atriz está radiante com o feedback que tem recebido do público depois de ter dado vida a Clarissa no filme Linhas de Wellington.

A superprodução sobre as invasões napoleónicas a Portugal estreou há dois meses e, no seu primeiro projeto cinematográfico, Victória Guerra desempenhou o papel de Clarissa, uma jovem inglesa ousada, o que a ‘obrigou’ a fazer cenas de nudez. Algo que encarou com naturalidade. «Faz sentido aparecer nua no filme. A minha personagem gosta de mostrar os seus dotes e utiliza o corpo. Um dia ia ter que acontecer. No mundo inteiro, as atrizes despem-se para fazer filmes», contou a jovem, afirmando que teve sempre o apoio da família.

Visto ser um filme de época, para Victória Guerra foi importante perceber como agiam as mulheres naquela altura da história e como tal preparou-se da melhor maneira possível para desempenhar o papel. «Vi imensos filmes de época e, com livros de História, fui perceber o impacto da guerra nas pessoas, o que não é assim tão visível naquela personagem», admitiu a atriz.

Victória Guerra confessou que participar neste filme serviu para as pessoas a verem noutro registo, mostrando que não vive apenas das telenovelas. Podemos vê-la agora na novela Dancin’ Days, na SIC.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados