SIC Televisão

Sónia Tavares desvaloriza audiências registadas pelo «Factor X»

Se, na edição passada do Factor X, Sónia Tavares falava orgulhosamente da sua equipa vencedora, na segunda temporada do formato as contas alteraram-se quando lhe foi atribuída a categoria rapazes. 3 deles já foram expulsos e, por esse motivo, a vocalista dos The Gift é agora apenas mentora de João, um menino de 12 anos.

Apesar de o sucesso do programa estar longe do registado na primeira edição, Sónia Tavares confessa que não se preocupa com as audiências. O seu objetivo passa, afinal, por proporcionar aos participantes uma experiência que levam para a vida, independentemente de vingarem ou não no mundo da música.

«Eu quero é que os meus miúdos tenham o melhor desempenho possível e que aprendam ao máximo. Mesmo se não ganharem, que levem daqui uma experiência que lhes enriqueça para a vida futura. Se eu me for a preocupar com as audiências, esqueço-me da parte sentimental, e eu não quero isso. O importante é fazer um bom trabalho», disse à TV Guia.

Um dos problemas que sente com a sua categoria centra-se com o tipo de música que os concorrentes ouvem. Afinal, é mais difícil trabalhar com jovens cuja cultura musical apenas contempla bandas e artistas desde o ano de 2000.

«Ouvem muita música comercial e, por vezes, é uma dificuldade para mim saber as bandas que gostam. É complicado pedir a uma criança de 16 anos – porque não deixa de ser uma criança – que se comporte como um adulto. A maneira como falo com eles é completamente diferente», concluiu.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados