RTP Televisão

Jornalistas da RTP trabalham 14 horas para transmissão de Jogos Olímpicos

Estão a ser transmitidos desde o dia 27 de julho os Jogos Olímpicos 2012 que este ano se realizam na cidade de Londres. A cerimónia de abertura mostrou ao mundo um espetáculo estrondoso com uma mistura mágica entre som, luz e cor. São vistos diariamente por milhões de pessoas e a cerimónia que contou com a presença da Rainha Isabel II foi assistida por mais de 4 mil milhões de pessoas, mais de metade da população mundial. Para que todos possamos ter acesso às imagens de todas as modalidades, existe uma equipa que trabalha contra o tempo.

Para Portugal a transmissão e distribuição do evento está a cargo da estação pública que se tem mostrado bastante eficaz na cobertura das diferentes provas. O investimento valeu já um aumento significativo das audiências do segundo canal, tendo, no dia de ontem, alcançado um novo recorde – 9% de share. Como já foi referido, mesmo nos estúdios da RTP, em Portugal, há uma equipa de profissionais que batalha, segundo a segundo, para dar qualidade às transmissões. Para isso há mesmo jornalistas e técnico que trabalham 14 horas por dia. Numa peça publicada na Notícias TV desta semana, é possível verificar o contraste no ambiente de trabalho dos estádios, em Londres e no estúdio e régie do canal do Estado, em Portugal. Tudo é preparado ao pormenor e Paulo Sérgio, coordenador do projeto, não tem descanso e avalia todos os passos a dar. Nos estúdios da RTP há uma autêntica dança de lugares com um entra e sai frenético. João Paulo Martins e Rui Loura são os grandes responsáveis pela apresentação dos diários e pela mudança de transmissão de modalidades que acontecem em simultâneo na RTP2, RTP Informação e RTP Olímpicos.

São 14 horas de trabalho intenso que se aligeiram quando há portugueses em prova: «Entro nos estúdios às 8h30 para verificar se está tudo em ordem. Quando há portugueses em competição é diferente. Estamos sempre na brincadeira e puxar pelos portugueses», disse o jornalista. Assim, para que  tudo esteja em condições de passar na sua televisão, há muito trabalho de bastidores e, pelos resultados, toda a dedicação está a valer a pena. O povo português está a aderir em peso à transmissão de qualidade feita pela RTP.

Artigos Relacionados

Siga o Quinto Canal nas redes sociais: