RTP Televisão

RTP será a alternativa às novelas

RTP

A estação pública está aos poucos a mudar. Projetos antigos têm vindo a terminar e novas apostas estão na calha para os próximos meses.

Terminando as novelas de longa duração, idealizadas pela antiga administração, Daniel Deusdado, director de programas da RTP, e Nuno Artur Silva, administrador do canal, falaram um pouco mais sobre os projetos que se aproximam e das mudanças presentes nesta nova RTP.

Foi aquando da apresentação de Aqui Tão Longe que os mesmos deram declarações sobre o que está por vir. Ao Espalha Factos Daniel Deusdado revelou que a aposta em séries como a nova linha de ficção do canal pretende captar novos públicos, mantendo algum do público atual, admitindo no entanto que tal é um risco que tem de ser cometido.

Leia também: RTP2 estreia série Uma Aldeia Francesa

Já Nuno Artur Silva avança que com as séries se pretende a «diversificação dos géneros de ficção, saindo do género dominante e praticamente totalitário neste momento, que é a telenovela», avançando que «o papel da RTP é contribuir para a diversidade dos formatos, dos temas e dos modelos de contar histórias».

A juntar à nova linha de ficção está também a aposta online, onde a RTP está cada vez mais presente. «Estamos a estrear todos os episódios das séries primeiro no RTP Play. Isto é também um sinal que estamos a dar às pessoas – vejam onde querem, no ecrã que querem, à hora que querem. Não é tão importante dar audiências à RTP1, é importante que vejam a série quando quiserem e no suporte que quiserem», revelou à referida publicação.

Ao longo de 2016 a RTP espera estrear entre 8 a 10 séries. Terapia já emitida. Seguem-se Aqui Tão LongeDentro, Boys e Miúdo Graúdo.

Artigos Relacionados

Siga o Quinto Canal nas redes sociais: