Quarta-feira, 17 de Janeiro de 2018
Quinto Canal

Memórias da TV: O tradicional «Natal dos Hospitais» da RTP

Na semana em que a estação pública realiza a sua edição anual do Natal dos Hospitais, as nossas Memórias da TV viajam no tempo para recordar esta festa.

Desde há longos anos até ao presente que a RTP apresenta anualmente o já tradicional Natal dos Hospitais, uma festa que tem como objetivo levar a alegria do Natal a quem se encontra hospitalizado. Recorda-se desde quando é que o evento é realizado?

Em semana de se realizar a edição 2017 desta tradicional festa de Natal, que é já um marco nesta época festival, nas Memórias da TV decidimos viajar no tempo e recordar algumas das curiosidades associadas a esta festa, cuja ideia partiu originalmente do Diário de Notícias, em 1944. A RTP, como canal público do estado, apenas se associou ao evento a partir de 1958, com a primeira transmissão em direto, apresentada na época por Henrique Mendes.

Tendo neste momento como palco principal o Hospital de São João no Porto, e posteriormente em simultâneo o Centro de Reabilitação de Alcoitão, o evento ao longo dos anos 70 era transmitido sempre entre as 14 e as 19 horas, e com a particularidade de acontecer fora dos hospitais, tais como no Coliseu de Lisboa ou no Casino Estoril.

            Leia também: Memórias da TV: A magia da «SIC No País do Natal»

Ao longo dos anos o Natal dos Hospitais foi apresentado pelos rostos mais emblemáticos da estação pública. Até 2005 o programa era transmitido no período da manhã no Porto, e de tarde em Alcoitão, até que a partir de 2006 as emissões passaram a ser feitas em simultâneo, de forma intercalar, de ambos os locais. Muita música com artistas nacionais bem conhecidos do púbico, e também vários momentos de humor e solidariedade são os ingredientes para que o evento seja ainda um sucesso atualmente, mesmo passados todos estes anos.

PARTILHAR