Terça-feira, 30 de Maio de 2017
Quinto Canal

Memórias da TV: A SIC e a sua «Família Superstar»

Pautando por ser um formato 100% exclusivo do canal, nas Memórias da TV desta semana recordamos a única edição existente do Família Superstar.

Decorria o ano de 2007 quando a SIC decidiu inovar trazendo até aos telespetadores o programa Família Superstar,um talent-show musical onde os concorrentes participam em família para encontrar as melhores vozes. Recorda-se?

O formato foi uma ideia original da SIC, onde os participantes tinham de participar em duplas pertencendo à mesma família, pelo menos com um intervalo de 10 anos entre suas idades, e que acima de tudo tivessem gosto por cantar. Após a habitual fase de castings que decorreu por todo o país foram selecionadas inicialmente 50 famílias, que foram posteriormente reduzidas a 30 numa nova fase do programa, e por fim o leque de 30 famílias passou a ser de 12 famílias, que iriam assim participar nas galas ao vivo do programa.

          Leia também: Memórias da TV: A euforia dos «Jogos Sem Fronteiras»

Durante a semana as duplas de concorrentes viviam de forma alternada no Palácio do Sobralinho para ensaiarem sempre para a gala da semana seguinte, que igualmente de forma alternada tinha as galas dedicadas aos elementos júniores e aos elementos seniores. No fim de cada programa uma família era eliminada por voto do público, até que na grande final só três famílias concorriam pelo prémio final, tendo a vitória ficado do lado da família Azevedo, composta por Filipa Azevedo e Susana Azevedo. A título de curiosidade Filipa Azevedo representou posteriormente Portugal na Eurovisão em 2010 e mais recentemente participou no The Voice Portugal.

A Família Superstar estreou em setembro de 2007, contando na sua apresentação com Nuno Eiró e Vanessa Oliveira, na fase dos castings, e posteriormente com Bárbara Guimarães nas galas ao vivo. O painel de jurados era composto por Tozé Brito, os Anjos e ainda a jornalista Clara de Sousa.

PARTILHAR

SOBRE O AUTOR

No mundo da blogosfera desde 2007, sempre fui um admirador do mundo da televisão e não só, integrando a equipa do Quinto Canal 2013, assumindo o cargo de administrador desde 2014. Sou igualmente um apaixonado por música tendo já realizado as mais variadas coberturas musicais.