Sábado, 23 de Setembro de 2017
Quinto Canal

Memórias da TV: A euforia dos «Jogos Sem Fronteiras»

Sendo um evento que fazia parar a Europa durante o verão, Portugal não ficou de fora dos Jogos Sem Fronteiras, que são hoje recordados no Memórias da TV.

Definitivamente que os Jogos Sem Fronteiras se tornaram uma referência para muitos países durante os anos em que foram realizados. Com o objetivo de participarem em cada edição vários países em vários jogos, ganhava o país que no final de cada programa obtivesse mais pontos. Recorda-se?

Surgindo com o objetivo de celebrar a amizade entre os diferentes países europeus e, sobretudo, aproximar os jovens europeus, a primeira edição dos Jogos Sem Fronteiras aconteceu em 1965, e desde aí que mais 30 edições foram realizadas. A transmissão do evento era assegurada pela EBU, a União Europeia de Radiodifusão, responsável também pelo famoso Eurovision Song Contest, sendo por isso em Portugal a sua emissão realizada pela RTP.

Sobre o formato em si, cada emissão tinha um tema, geralmente relacionado com as tradições do país anfitrião. As equipas eram compostas por pessoas da mesma cidade e competiam em agilidade e rapidez num conjunto de dez provas divertidas para tentarem alcançar o máximo de pontos. Na prova em que se sentia mais forte, a equipa podia jogar o joker, que duplicava a pontuação obtida. Na última prova, a pontuação era a dobrar para todos. Ao longo de cada verão em que os Jogos eram realizados, todos os países recebiam um dos programas, rotativamente.

            Leia também: Memórias da TV: Recorda-se da «Amiga Olga»?

De ano para ano os Jogos Sem Fronteiras foram tendo cada vez mais sucesso, o que levava cada vez mais a que novos países participasse. Contudo, devido à crise económica que começou a afetar muitos dos países, o evento viu a sua última edição a ser realizada em 1999. Mesmo com a intenção de a EBU querer trazer novamente o evento às luzes da ribalta em 2007 e 2008, tal acabou por não acontecer.

Relembrando as prestações de Portugal neste programa, das 30 edições que foram realizadas, o nosso país participou em 15 delas, sendo a primeira em 1979, e dessas 15 venceu 5, sendo o segundo país com mais vitórias conquistadas ao longo dos Jogos Sem Fronteiras. Eládio Clímaco era o responsável por apresentar o formato em Portugal, e esteve na sua frente praticamente ao longo de toda a sua realização, contando também com a ajuda de Fialho Gouveia, Alice Cruz, Ana Zanatti, Ana do Carmo, Anabela Mota Ribeiro ou Luís de Matos. Pontualmente os Jogos Sem Fronteiras são repostos na grelha de programação da RTP Memória.

PARTILHAR

SOBRE O AUTOR

No mundo da blogosfera desde 2007, sempre fui um admirador do mundo da televisão e não só, integrando a equipa do Quinto Canal 2013, assumindo o cargo de administrador desde 2014. Sou igualmente um apaixonado por música tendo já realizado as mais variadas coberturas musicais.