Em Foco Rubricas

Em Foco – Manuela Moura Guedes: para quando o seu regresso? [com vídeo]

Em Foco

Nos últimos sete dias fomos inundados por transferências em televisão. Maya decidiu dar um novo rumo à sua carreira e aceitou o convite do Correio da Manhã TV. A taróloga vai agora juntar-se ao tio careca e passar a dar os bons dias aos portugueses a partir do novo canal da Cofina. «Foi um convite surpreendente. Não estava à espera, desta vez não adivinhei, mas não tive quaisquer reservas em dizer que sim. É um projeto fabuloso. Eu e o Nuno somos amigos há muitos anos e é um conforto trabalhar com uma equipa que já conheço», confessou ao jornal Correio da Manhã.

cartas da maya o dilema

Também para o CM TV foi Pedro Santana Lopes. O antigo comentador da TVI 24 não rejeitou a proposta que lhe foi feita e vai passar a dar a sua opinião neste novo temático. «O actual provedor da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa vai ter um espaço de comentário semanal às segundas-feiras no jornal da noite da CM TV», adiantou o Sol.

Como se não chegasse, a SIC decidiu fazer das suas, e contratar um novo comentador. Desta feita, Luís Marques Mendes foi convidado para ter um programa semanal na generalista, e a resposta não poderia ter deixado de ser positiva. Por outro lado, vai juntar-se a  Jorge Coelho, António Bagão Félix, António Vitorino e a Francisco Louçã no temático de informação de Carnaxide.

[divide style=”2″]

Num plano paralelo, ficámos a saber que Manuela Moura Guedes continua à espera de uma proposta que a leve a regressar aos ecrãs nacionais. Depois de um convite falhado do terceiro canal, no qual Francisco Pinto Balsemão vetou a sua entrada na SIC, a mulher de José Eduardo Moniz referiu à Notícias TV desta semana que não existe lugar para si em televisão: «Atualmente a informação em Portugal arrisca muito pouco, não coloca o dedo na ferida, investiga pouco e é pouco irreverente.»

Manuela Moura Guedes

Neste seguimento, a jornalista aproveitou igualmente para dizer que o seu futuro não se mostra nada agradável ao nível profissional. «Eu não tenho já muito futuro. Hoje em dia não tenho muitos planos para a vida e acho que não há muita gente com planos para mim como se vê», acrescentou.

Afinal, qual o motivo para que muitos a detestem? A opinião sobre Manuela Moura Guedes não é unânime. Se uns a acham demasiado perspicaz, outros dizem que é demasiado manipuladora e parcial. Mesmo assim, é possível concluir que são poucos os que a acham indiferente. A antiga profissional da TVI não agrada a todos, mas a verdade é que puxa o público. Lembra-se das audiências dos noticiários por ela conduzidos? Exato, a informação da estação de Queluz de Baixo passou a crescer também devido ao seu rosto.

Desta forma, como é possível que o seu regresso aos ecrãs nacionais ainda não tenha acontecido? Medo? Falta de vontade? Receio que aconteça o mesmo que aconteceu com o antigo bastonário da ordem dos advogados, Marinho Pinto? Seja qual das razões a mais forte, a verdade é que com Manuela Moura Guedes um resultado era alcançado: perguntas, comentários e opiniões que outros não teriam a capacidade de fazer ou conseguir.

Não será ela uma mais valia para um canal? Mesmo com todos os contras, a sua presença em televisão nunca deixará de significar um rosto forte para a informação de qualquer projeto.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados