Rubricas Só Séries

Só Séries: «Desperate Housewives»

Mais uma série que está no fim… Pensada, escrita, feita por e para mulheres, que ao fim de 8 temporadas anunciou que o final será já no próximo dia 13. As atrizes queriam mais, mas a produção decidiu que este é momento ideal para terminar uma série de sucesso.

Em 2004 chegou às televisões norte-americanas pela ABC a série que nos conta a vida de 5 donas de casa que vivem no bairro de Wisteria Lane.

Em todas as temporadas há um episódio marcado por uma catástrofe ou por um grande conflito que envolve sempre toda a gente. Tanto pode ser um homicídio, um tornado ou até um acidente de avião.

O primeiro episódio emitido em 2004 apresenta-nos Mary Alice Young, uma dona de casa aparentemente perfeita e feliz, que acaba por se suicidar nesse mesmo episódio. A partir daí tudo gira à volta da vida das suas amigas e como lidam com as suas famílias e as suas vidas.

Desperate Housewives recebeu até hoje 7 Emmy’s, 3 Golden Globe Awards e muitos outros prémios. Em 2011 ficou em 7º na lista da Forbes dos programas de televisão mais lucrativos de sempre.

É uma série que está muito bem estruturada desde o início, e nenhuma temporada foi escrita para encher apenas tempo de antena. As histórias são tratadas sempre de uma forma muito misteriosa, voltando muitas vezes por regressar à trama passados alguns anos para serem desvendados novos pormenores.

É uma pena que este seja o último que vamos poder assistir às interpretações de Teri Hatcher, Felicity Huffman, Marcia Cross e Eva Longoria, quatro mulheres que há oito anos ninguém apostaria que teriam este sucesso, e provaram que para terem sucesso não precisam de ter 20 anos, apenas talento. Não é uma série que me tenha apaixonado desde o início, foram várias as vezes que deixei de ver para retomar passados uns meses. E retomava exactamente pelas histórias, pelo mistério, por querer acompanhar a vida daquelas 4 mulheres que me despertava curiosidade.

O canal ABC está a preparar uma série muito semelhante para substituir, e contam já com Eva Longoria na equipa técnica. Resta-nos esperar e torcer para que a nova série seja melhor, ou pelo menos tenha tanto sucesso como as Desperate Housewives.

DEIXE O SEU GOSTO E PARTILHE:

Artigos Relacionados