Cinema

Luís Filipe Menezes contra-ataca: «Filme de Woody Allen em Portugal deve ser feito no Porto»

luis_filipe_menezes_18

Afinal não é apenas a Câmara Municipal de Lisboa que deseja o realizor Woody Allen a gravar em Portugal.

Em reação às declarações dadas pelo presidente da Câmara Municipal de Lisboa, Luís Filipe Menezes, candidato à Câmara Municipal do Porto, contra-ataca, dizendo que caso o Estado Português esteja mesmo em negociações com o realizador americano, devia apostar na cidade do Porto.

Luís Filipe Menezes argumenta dizendo que Lisboa já tem 40 por cento do turismo nacional, e que o Porto tem apenas oito por cento, mas que está numa fase de afirmação de imagem internacional, ficando ainda surpreendido com as notícias avançadas pela imprensa, pelo fato de ele próprio andar já há algum tempo a fazer diligências para que Woody Allen fizesse um filme sobre o Porto, à semelhança do que fez em Paris e em Roma.

O candidato defende ainda que seria uma atitude centralista insuportável se o Estado fosse financiar um filme do Woody Allen feito em Lisboa para promover turisticamente o país, visto que no Porto e Douro, e ainda nas cidades médias do norte, como Guimarães e Braga, existem parcelas classificadas como Património da Humanidade, sendo isso uma mais valia para a realização do filme no Norte.

Artigos Relacionados

Siga o Quinto Canal nas redes sociais: